domingo, 9 de outubro de 2011

Sociedades Pré-helênicas: os quatro povos que formaram a Grécia


Antes do surgimento do berço da civilização ocidental (Grécia) na Península Balcânica, outros povos ocupavam tal lugar e suas fronteiras e, através de relações socio-comerciais ,algumas batalhas e invasões, surge a Grécia Antiga, é válido dizer que tais povos também podem ser denominados de sociedades pré-helênicas , já que os povos que deram origem à Grécia, mais tarde, foram chamados de Helenos.

Os habitantes da península da Grécia (Balcânica) tinham duas cidades como principais: Tirinto e Micenas. Eles mantinham relações comerciais, de modo dominante, com a Ilha de Creta (capital=Cnossos) e, por isso, também assimilavam parte da cultura e de alguns costumes cretenses, assim como estes praticavam o mesmo processo. Essas três cidades formaram acivilização creto-micênica, onde tinha como característica forte a presença dos Aqueus (povo indo-europeu, originário da Ásia).

O povo cretense surgiu, aproximadamente, no século III a.C., era essencialmente comercial e mantinha relações comerciais com a Ásia Menor, Egito e várias ilhas do Mar Egeu, possuía também uma sociedade desenvolvida, a mulher era muito influente e há evidências de que não existia a escravidão. Micenas eTirinto foram fundadas pelo Aqueus e, junto com pequenas cidades localizadas nos Bálcãs formaram a civilização micênica, sua aristocracia era essencialmente militar e, por isso, em 1.400 a.C. invade Creta, expandido seu poder, e depoisTróia.

Por volta de 1.100 a.C. a civilização micênica entrou em colapso. Várias cidades foram saqueadas e a região entrou no que os historiadores denominam Idade das Trevas. Durante esse período a Grécia viveu um declínio tanto populacional como literário. Os próprios gregos costumavam atribuir a causa desse declínio à invasão duma nova vaga de gregos, os Dórios. Todavia, as evidências arqueológicas que poderiam comprovar esse ponto de vista são escassas.

Os eólios, Originalmente ocupavam-se da agricultura, e envolveram-se na colonização do litoral do mar Egeu. Abandonaram suas terras natais depois que a invasão Dórica expulsou os aqueus e forçou-os a abandonar a maior parte dos territórios micênicos; apossaram-se de muitos destes territórios abandonados, e também construíram cidades em diversas ilhas próximas à Ásia menor, difundindo pelo mundo grego o dialeto eólico do grego antigo..

Os jônios eram um povo indo-europeu que se estabeleceu na Ática e no Peloponeso e foram depois para a Ásia menor pela chegada dos Dórios. São também os primeiros pensadores que dão expressão filosófica ao problema da existência de uma causa suprema de todas as coisas.

Com isso, esses quatro povos formaram a Grécia Antiga, sendo os mais importante Aqueus e Dórios, aquele pela sua capacidade intelectual, este por seu poder guerreiro. Tais características vão ser encontradas mais tardes nas duas principais cidades gregas: Atenas e Esparta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário